27 de maio de 2008

Pinho e a mistificação

Não senhor ministro. Não queremos "intervenções" coisa nenhuma. Deixe lá estar o mercado a funcionar.


O que queremos é uma redução da carga fiscal.

Sem comentários: