24 de agosto de 2012

Lance Armstrong


Este homem sujeitou-se a cerca de 600 controlos antidoping durante a carreira. Sangue e urina.
NUNCA teve um controlo positivo. NUNCA conseguiram provar alguma irregularidade.
Agora, com base em "testemunhos" de alguns ressabiados e de outros perseguidos e intimidados, acusam-no e querem tirar-lhe os títulos.
Vergonhoso!
Lance fez muito bem em os deixar a falar sozinhos.

O que estes palermas da USADA estão a fazer é desacreditar todo e qualquer controlo antidoping e, assim, a desacreditar todo o desporto. Amanhã, mesmo com controlos não positivos, um atleta poderá ser desclassificado com base no testemunho de algum invejoso.
Lamentável.

Sem comentários: