4 de setembro de 2012

É o que tem de bom o jornalismo

Aproveita-se tudo!



Então seria de esperar outra coisa vinda do autor do mais recente golpe de estado em Portugal? Tss, tss, tss...

Em boa verdade, devo dizer que eu próprio sou contra essa hipótese da concessão.
Parece-me muito mais eficaz manter a RTP 2 a "garantir" o "serviço público" e vender a RTP 1.
Era mais dinheiro a entrar agora e menos despesa para futuro.

1 comentário:

Anónimo disse...

Concordo completamente, alguns programas da RTP 2 têm muito mais qualidade do que os da RTP 1. Mesmo que se repesquem algumas coisas da RTP 1 para a 2, seria muito melhor continuar com a 2 do que com a 1. Já para não falar da RTP noticias, e associados que ninguém vê.