30 de dezembro de 2008

Uso desproporcional da força

Ora aqui está!
Estes tipos explicam tudo:
Aos ataques do Hamas com morteiros e rockets, os judeus deveriam responder com o lançamento de outros morteiros e rockets. E, vá lá, de vez em quando, com um atentado suicida.
Isto sim, isto seria um uso proporcional da força!

Ah:
Se for na Grécia, a um cocktail molotov, a polícia deve responder... ... com um sorriso de agradecimento!

Mas... atenção... porque este senhor começa a não estar em sintonia com o grande povo de esquerda. Tsss, tsss, tsss...

28 de dezembro de 2008

26 de dezembro de 2008

Sócrates já controla o BCE !


"criámos as condições para que baixassem os juros com a habitação"



Arre porra!
Não haverá por aí um jornalista que saiba que a Euribor é determinada pelo Banco Central Europeu? Não haverá por aí algum que tenha a coragem para escancarar à evidência que isto é mais uma patranha deste mentiroso?
É que assim, tem de se concluir que além de controlar o BCE, Sócrates também controla os jornalistas.

24 de dezembro de 2008

Natal

Oh, como eu gosto do Natal, da consoada, do bacalhau, das filhós, da família reunida. Que maravilha!
(Também gosto da NBA)

19 de dezembro de 2008

Era o que eles queriam



Hummm...
Tenho a ideia de que já houve uma dissolução por causa de uma sesta num intervalo do "Moda Lisboa". Por isso ou coisa parecida.

14 de dezembro de 2008

Suicídio político


É uma verdadeira novidade, pelo menos para mim, ouvir António Avelãs, o carismático presidente do SPGL, a fazer a defesa da avaliação e da diferenciação dos professores.

Estou espantado e, se calhar, muitos outros professores também o estarão...


Mas há uma coisa, caro Avelãs: não será com o modelo alternativo de avaliação proposto pelo seu sindicato que se fará qualquer avaliação com diferenciação.

12 de dezembro de 2008

Avaliação alternativa

A Ministra da Educação disse que a proposta apresentada pelos sindicatos era só auto-avaliação e co-avaliação.
Não acredito! Mário Nogueira disse que iria apresentar uma alternativa séria.
Vou esperar que apareça publicada.

11 de dezembro de 2008

Mário Soares

Referindo-se à problemática criada à volta da avaliação dos professores, das greves e manifestações, disse este conhecido lutador pela liberdade que "em Democracia as greves e as manifestações não obrigam Governos a caírem".

Pois... mas o que dirá o Dr. Soares da situação que se vive hoje na Grécia?

8 de dezembro de 2008

Triste vida, a de polícia

Em consequência, enquanto os simpáticos manifestantes destroem tudo o que encontram pela frente, os polícias vão observando, a uma distância que não incomode a liberdade de expressão, fazendo todos os possíveis para que não se vejam na contingência imperiosa de intervir.
É que se isso acontece... zás!... vão presos!
Além de que, como explica o Público, é normal o arremesso de bombas incendiárias contra as forças policiais em manifestações de desagrado de estudantes anarquistas em certos bairros da capital. Portanto, a culpa é toda dos polícias! Pois se até já sabiam que era normal, por que é que não se limitaram, simplesmente, a deixar-se arder?

5 de dezembro de 2008

Suspensão... da greve


Nogueira anteviu o fiasco em que redundariam as greves regionais.
Recuou e no próximo dia 15 irá negociar.
Pode ser que então apresente a alternativa séria de que tem falado.