31 de julho de 2005

Isto dá-me um certo gozo

Por isso também pergunto:

Foi para isto?


(estes tipos do bloco são perigosos para o mundo, mas têm humor, lá isso têm)

Paulo Costa

Foi o melhor em campo, hoje à noite em Guimarães.
Sempre com grande convicção, actuou numa toada consistente, não se negando ao sacríficio para levar a sua equipa à vitória. Pena foi que os seus companheiros não o tenham imitado em arte e inspiração, e o jogo tenha terminado empatado.

Contudo, deixou muito boas indicações e deverá ser uma das opções de Koeman e Vieira para toda a época.

30 de julho de 2005

Premiado

Não ganhei o Euromilhões mas ganhei este prémio no concurso da Sulista.
Ela é boa pequena e, designer que é, tinha mesmo de desenhar bem.
Gosto da "peida", sim senhor, mas a minha preferência vai sempre para um belo "peito de rola".
Pode ser que ganhe outro prémio...


Descartável

Eu não concordo com quase nada do que ele defende.
É, para mim, um homem de "outros tempos" que não se apercebeu das profundas mudanças do mundo nos últimos 50 anos, e que, assim, se manteve fiel a paradigmas hoje sem sentido.

Todavia, achei escabrosa a forma como a máquina partidária o utilizou, primeiro, e o triturou, depois.

Os fins não podem justificar os meios.

29 de julho de 2005

Falsas promessas

A Lear Corporation possui uma fábrica, na Póvoa do Lanhoso, que produz cablagens para o sector automóvel, a qual vai ser encerrada por deslocalização para a Roménia, no intuito de manter a competitividade, uma vez que os custos de produção baixam dramaticamente. 800 trabalhadores vão ser despedidos. Hoje, 29 de Julho, saíram os primeiros.
Contrariamente ao que prometeu durante a campanha eleitoral, o PS não consegue evitar que as fábricas continuem a ser encerradas por via de processos de deslocalização. O PS ainda não conseguiu publicar o "tal" Decreto-Lei que há-de proibir os "patrões" de "fecharem as portas" das empresas para as abrirem noutros países. E, fazendo fé no que disseram, nem era difícil: bastava escrever isso no Diário da República...
E os 150.000 novos empregos continuam a ser criados a um ritmo impressionante muitos novos desempregados por dia...

Presidenciais

Eu concordo! Mário Soares não tem condições para voltar a ser Presidente da República! Não por estar velho, mas por as ideias que defende se reportarem a um paradigma com um século de antiguidade.
Todavia, Soares será eleito.
Bem faria Aníbal Cavaco Silva se não fosse a eleições. Este povo prefere uma mentira sorridente do que uma verdade sisuda.
Eu gosto mesmo é de uma verdade bem disposta.

Direito à indignação

Por um instante, imagine-se o que diriam estes (e outros) senhores, caso o sistemático ataque à Função Pública, a que estamos a assistir, estivesse a ser perpetrado por um governo do PSD...

27 de julho de 2005

Traição (mais uma)

Foi ontem (26) publicado o Decreto-Lei N.º 121/2005, o qual altera o Estatuto da Carreira Docente, passando a obrigar os professores ao trabalho nas escolas com presença física de, pelo menos, 28 horas semanais.
Para os professores mais antigos, que hoje tinham uma presença física de 12/14 horas (em alguns casos ainda menos), trata-se de uma verdadeira "facada".
Agora leiam o que sublinhei a vermelho. Estão a ler? Sabem o que é?

Pois é verdade! Os sindicatos de professores foram ouvidos nesta matéria. E o que disseram? Que declarações prestaram? Que comunicados emitiram? Que greves marcaram?
Zero!!! Calados que nem ratos!
Diz-se por aí que os grandes sindicatos (FNE e FENPROF) trocaram este ataque à classe docente, esta traição, pela manutenção dos destacamentos dos seus (muitos) quadros dirigentes, que assim podem continuar sem trabalhar nas escolas. E diz-se que neste "pacote" ainda levaram outro "rebuçado": a extinção dos pequenos sindicatos (por via do não destacamento dos respectivos dirigentes).
Sindicatos, é conhecê-los e ...

26 de julho de 2005

Paradoxo

A polícia inglesa, com ordem para "atirar a matar", abateu um cidadão brasileiro em circunstâncias que ainda não conheço em plenitude. O que é certo é que, pese embora a atitude, eventualmente suspeita, do sujeito, foi abatido.
A própria polícia veio lamentar o sucedido, afirmando que se tratou de um erro! O homem foi morto "por engano"!
Ora, este triste episódio, lamentável, está a desencadear uma onda de protesto e indignação por todo o mundo: a polícia matou um homem "por engano".
Pois ... os que iam nos comboios e no autocarro não foram mortos por engano. Foi mesmo "de propósito".
Compreende-se...

O que nos vale é que ainda há quem não tenha medo (nem vergonha) de escrever:

We believe that democracy and human rights are worth defending with all our strength. The human values of respect and tolerance and dignity are not 'western' but universal.

E tem mais aqui.

Viagra Político

Ouço o "Antena Aberta" da Antena 1 enquanto faço a minha higiene matinal. O tema do dia era a candidatura de Mário Soares à Presidência da República. Como habitualmente, choveram os telefonemas de todos os desiludidos da vida e de todos os zangados com o mundo, todos muito senhores da "sua" razão, uns "contra" e outros "a favor".
Às tantas, entrou uma senhora que veio declarar a sua preferência pelo poeta Alegre, e que disse qualquer coisa como: "Esse senhor [Soares] está tão velho que precisa de tomar muito Viagra Político".
O Azurara não se mete nessas coisas íntimas, mas acha que Soares tem é de perder a absoluta impunidade de que goza!

25 de julho de 2005

Património natural

Ao que dizem os historiadores, o monte da Senhora do Castelo terá começado a ser ocupado pelo homem desde tempos anteriores à romanização da península ibérica. Dizem, também, que aí existiu um castro romano e, seguidamente, um castelo muçulmano. Depois, muito mais tarde, foi aí construída a ermida que todos conhecemos e que é a “marca” de Mangualde.
Pois muito bem. Mas há duas questões:

  1. Quando a Ermida foi construída, terá havido um “amplo movimento popular” de repúdio pela consequente destruição do património construído (árabe) e pelo atentado contra a paisagem natural?
  2. Se a Ermida ainda não tivesse sido construída, será que a conseguiríamos erigir hoje?

Façam favor de se pronunciarem, caros ecologistas, ambientalistas e "patrimonialistas".

23 de julho de 2005

Ça y est



Depois de ter aviado um cancro, aviou 7 vezes seguidas a Volta à França.

É obra!



Grande
LANCE ARMSTRONG

Escola Informação

É uma revista editada pelo Sindicato dos Professores da Grande Lisboa, afecto à FENPROF.
Como era de prever, este último número (199 de Jun/Jul) aborda abundantemente a greve aos exames. Na página 12, titulando "Os dados da Greve de 21 de Junho", apresentam-se gráficos para ilustrar a adesão dos professores à referida greve. O Azurara, que publica todo o texto e fotos relativos ao artigo, lança um repto aos amigos "bloggers", e que é o seguinte:
Através da leitura dos textos e da reflexão sobre os gráficos, diga, caro leitor e amigo, qual a percentagem de professores que aderiu à greve.








Não conseguiu? Eu também não! Mas fiquei com mais um "lamiré" sobre as razões pelas quais os nossos alunos são tão fracos na matemática! Nem um gráfico decentemente elaborado? Porra!!

Hospitais-Empresas?

Então, não havia a promessa de acabar com estas coisas? Então, a empresarialização dos hospitais não tinha conduzido ao aumento da despesa e à diminuição da qualidade dos serviços?
Então?
O que era, já não é?
Pois, mais uma vez...

21 de julho de 2005

Cansado e distraído

É verdade. Ser Ministro, e para mais das Finanças, cansa. Cansa e distrai. Foi o que aconteceu ao Professor Campos Cunha.
Distraiu-se e não ouviu o Senhor Presidente Sampaio dizer que não se pode continuar a falar de crise.
Distraiu-se e esqueceu-se que os portugueses não gostam que lhes falem verdade.
Distraiu-se e esqueceu-se que o senhor Presidente demite Governos que dizem a verdade aos portugueses.
Distraiu-se e disse que não é o investimento público que vai contribuir para o relançamento da economia.
Distraiu-se e disse que a crise é para continuar, e que o próximo ano ainda será pior que este.
O que faz o cansaço...
Quem não se distraiu foi o Engenheiro Pinto de Sousa! Rua!!

20 de julho de 2005

Um exemplo a seguir

Está no Expresso (em papel)

FREITAS do Amaral aprovei­tou a sua deslocação aos EUA para convencer a Microsoft a realizar o seu próximo encon­tro anual de executivos euro­peus em Lisboa. O encontro de três dias reunirá cerca de 600 pessoas, terá a presença de Bill Gates e será um estímu­lo para a indústria hoteleira na estação baixa, em Janeiro.
A ideia foi ventilada pela primeira vez há um mês, numa carta do ministro dos Ne­gócios Estrangeiros ao direc­tor-geral da Microsoft, mas existiam dúvidas em diversas áreas, como a segurança. Quando Freitas do Amaral chegou a Nova Iorque na ter­ça-feira, o helicóptero pes­soal de Bíll Gates foi bus­cá-lo ao aeroporto de Ne­wark e levou-o até Manhat­tan para jantar com uma vi­ce-presidente da Microsoft. O acordo terá ficado selado quando Freitas garantiu a pre­sença do presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, na conferência.


Como toda a gente estará recordada, Freitas do Amaral criticou violentamente Durão Barroso por este ter sido anfitrião, nas Lages, do encontro Bush - Blair - Aznar que antecedeu a intervenção no Iraque. Foi por essa altura que Freitas qualificou Bush como "pior que Hitler" e produziu outras afirmações igualmente imbecis.
Passou algum tempo e, hoje, Freitas regozija-se com a simpatia de Rice, Secretária de Estado do já ex-Hitler, antevendo um relacionamento bilateral sem precentes com os USA.
Provavelmente, Barroso não se terá esquecido das barbaridades com que Freitas o mimoseou. Todavia, estando em causa o interesse nacional, Barroso aceita vir a Lisboa "abrilhantar" uma reunião apadrinhada por Freitas. E isso é bonito!
É gratifiante verificar que, em prol do interesse nacional, é possível esquecer momentaneamente a luta politico-partidária.
Era muito bom que, ao nível deste Concelho, também pudesse acontecer assim. Pelo menos quando estivesse em causa o interesse do colectivo...

18 de julho de 2005

Em comprimidos?


(na Visão)
Todos os dias se aprende qualquer coisa.
Hoje foi o Distúrbio Hipoactivo de Desejo Sexual, coisa que afecta "boa parte" das mulheres depois dos 30 anos. Hipoactivo! E eu que sempre estive convencido que era depois dessa idade que elas ficavam mais "soltas". Ai, ai. Coitaditas...
Bom, mas agora vão ter comprimidos para "orgasmar".
Eu sou um adepto incondicional da "química pesada", mas, neste particular, ponho as minhas reservas ... a não ser que ...
De que tamanho será o comprimido?

Marasmo?

Foi você que pediu um "marasmo"?

Desculpe, mas aqui em Mangualde não temos!

17 de julho de 2005

Peladinhas de futsal

Têm-se realizado em Mangualde umas futeboladas de salão numa improvisada arena montada atabalhoadamente por uns curiosos. Num desses jogos, um grupo de amigos portugueses que se encontravam de férias, por coincidência todos instalados na mesma unidade hoteleira viseense, defrontou um grupo de empregados comerciais de uma empresa espanhola, curiosamente também todos de férias, estes instalados num hotel desta cidade. Estes dois grupos já se defrontaram por duas vezes com resultados semelhantes: pesadas derrotas dos balconistas espanhóis.
Parece que o povo de Mangualde engraçou com estas “peladinhas” e tem acorrido ao local dos jogos e enchido aquela periclitante estrutura, até porque há mais grupos a jogar: um conjunto de serventes e trolhas russos, provavelmente imigrantes, um outro de pedintes romenos, uma selecção de angolanos (parece que estão por aqui a trabalhar na construção da SCUT), e, finalmente, uma selecção de brasileiros, cujo grupo profissional se desconhece, mas que, ao que se ouve, terão negócios em Bragança, onde estarão radicados.
Apesar de todo este amadorismo, o povo tem gostado e tem vibrado com os golos e belas jogadas, exactamente como se se tratasse de verdadeiras selecções nacionais.
Muito curioso!

Tributo

Independentemente do que venha a suceder na etapa rainha de amanhã, este homem - Lance Armstrong - já provou mais do que precisava.
É a sétima vez consecutva que "passeia" de amarelo pelas altas montanhas dos Pirinéus. E isto depois de ganhar o "contra-relógio" ao cancro.
É lindo ver esta tenacidade!

16 de julho de 2005

"Apagão"

Não sei o que se terá passado. Só sei que os comentários que estavam nos três posts anteriores desapareceram.
É interessante, uma vez que os outros, dos posts anteriores, não sofreram nada.
Há sempre a hipótese de ser um mau funcionamento do Haloscan.
Também há a hipótese de ter sido alguma retaliação...
Peço desculpa a todos aqueles cujos comentários tenham sido eliminados, e peço-lhes, vivamente, que, caso achem oportuno, os publiquem de novo.

Cumprimentos a todos.

Um NÃO post

Esta foto NÃO foi recolhida em Mangualde

Estes jogaores NÃO foram seleccionados

Estes jogadores NÃO são portugueses

E estes jogadores NÃO são angolanos

Este jogador NÃO se chama André Lima e NÃO joga no Benfica.

Estas garotas NÃO são alunas da ES Felismina Alcântara

Estas câmaras de televisão NÃO são da RTP

Esta bancada NÃO está cheia

Esta bancada também NÃO está cheia

Este senhor sentado ao lado do senhor Presidente da Câmara NÃO é "o" Eusébio


E a Federação Nacional de Futebol NÃO faz broches a pedido!

Nota de Imprensa

O Azurara entende por conveniente esclarecer que

  • Não está mandatado por qualquer força política partidária;
  • Não está apostado em fazer a defesa da actual maioria que governa os destinos deste município;
  • Não concorda com todas as decisões tomadas por essa mesma maioria;
  • Não tem qualquer interesse pessoal e/ou material na Câmara Municipal de Mangualde;
  • Não abdica de lutar contra o boato, a insinuação e a mentira.

    Mangualde, 15 de Julho de 2005

15 de julho de 2005

"Pão e Circo"

A administração da Fundação Gulbenkian diz que a manutenção do Ballet é inviável, mas...

Ó senhora Ministra, tenha cuidado. Olhe que há por aqui umas almas que, quando toca a cultura, desatam logo a dizer que é despesismo e má gestão. E olhe, tendo em conta os sacríficios que o seu governo nos pede desde o desditoso dia 20, são bem capazes de a vituperar, clamando que "é só pão e circo".

Futsal Outdoor em Mangualde


Começou!
Portugal 3 - Angola 0. Bom jogo!

Cooperação bilateral?

Com uma imperista americana negra e heterossexual? Que , ainda para mais, é "só" Secretária de Estado do "presidente mais imbecil" que alguma vez habitou naquela casa?
Oh meus senhores... mas que porra é esta?
Freitas evocou o apoio português à luta contra o terrorismo desde o primeiro momento e congratulou-se com a conversa "muito agradável e fluida" que mantiveram.
Que o senhor era um (re)convertido, já nós sabíamos ... agora contorcionista...

14 de julho de 2005

Uma ideia para Lisboa


Sim, é verdade!
Das 32.783 ideias que disse que tinha, o candidato Dinis apresentou uma, ou melhor, oito:
Oito praças para Lisboa, uma por cada bairro.
Afinal o Senhor Guimarães não é tão "vazio" quanto parece. Se fosse na minha terra, alguns diriam que é só lazer e reclamariam 8 fábricas.
Safou-se o demagogo mor: fez o elogio da Bábá.

Democracia avançada

Urbano Tavares Rodrigues está na TV a dizer que Álvaro Cunhal sabia que o comunismo soviético tinha fracassado, e que queria instaurar em Portugal uma "democracia avançada".
Gostei, especialmente, do verbo: INSTAURAR!

Morreu, graças a Deus felizmente, sem o conseguir. Xiça!

13 de julho de 2005

Exames do 9º ano

Já estão a produzir alguns resultados. Pelo menos ao nível da problematização.
Veja-se que a Senhora Ministra diz que a "bronca" começa logo no 1º Ciclo.

Por outro lado, já há representantes de professores a afirmar que este sistema "igualiza" os saberes; que, actualmente, a Música (p.e.) tem a mesma importância que a Matemática; e que há professores a ensinar Matemática que não sabem Matemática.

Mas ainda não chegaram à necessária conclusão, que é:

O facilitismo gera insucesso!

Pensar Mangualde

De quando em vez, coloco aqui artigos, reflexões e propostas sobre Mangualde, que têm suscitado discussões acesas, o que é saudável.
Contudo, a necessidade de dar resposta a comentários de vários leitores, ameaça desvirtuar a finalidade primordial deste Terras de Azurara. Efectivamente, neste espaço pretendo manter total liberdade na selecção dos assuntos e respectivas abordagens, no humor e na ironia e, porque não, na escolha dos meus elementos para a secção de "aviões".
Ora, sobrecarregá-lo de política local, iria descaracterizá-lo e, pior ainda, iria afastar alguns dos leitores e amigos, aos quais Mangualde diz muito pouco.
Tomei, assim, a decisão de criar um novo blog - Pensar Mangualde - onde poderei, aí sim, dar largas à defesa intransigente deste município e dos interesses das suas gentes.

12 de julho de 2005

Fabuloso

Hoje estou cansado. Não escrevo. Mas recomendo vivamente a leitura destas FAQ sobre as actuais políticas socialistas do betão.
Humor corrosivo e espantosamente lúcido!

11 de julho de 2005

Outdoor

Tirando a falta das gravatas, este é como os outros. Encontrei-o aqui.
Ora, vamos lá ver:
8 x 3 = 24 m^2 -----> 24 x 22,00 = 528,00 € -----> mais de 100 contos
Porra, isto fica caro!
Ora bem:
50 outdoors em Julho + 50 no final de Agosto + 50 para a campanha, dá 150, o que significa, deixa lá ver ... hummm ... é só fazer a conta ... hummm ...
15.000 contos em papel

Mas não é despesismo, pois não?

10 de julho de 2005

Tide - ideal para branqueamentos

Este senhor já foi demitido? Parece-me que não poderá deixar de o ser.
Foi dizer a Diana Andringa, deputada do Bloco de Esquerda, que foi «pressionado», pelos media, para emitir um comunicado a dizer que os incidentes de 10 de Junho em Carcavelos foram um arrastão e envolveram 400 pessoas.
A senhora deputada, que também é jornalista, chapou a entrevista do polícia (filmada) num site do bloco.
Agora, o polícia queixa-se de um «inqualificável o aproveitamento político» das suas declarações, «prestadas a alguém que pensava ser uma jornalista com ética», já que Diana Andringa lhe pediu colaboração para um "trabalho para fins académicos e pedagógicos".
Assim sendo, este homem não pode continuar em funções. Primeiro porque aceita pressões de jornalistas, e depois porque volta a aceitar pressões de outros jornalistas.
(está tudo na 1ª página do Expresso)
Acresce que é uma falta grosseira ao dever de zelo acreditar que os bloquistas têm ética.

Google Earth

Estádio de futebol

Centro de estágio de árbitros de futebol

Google Earth


É fantástico. Espantoso!
Só é pena que a definição (para estas minhas Terras de Azurara) ainda não seja a que virá a ser.

Descubra-o a partir de Google Earth.

Design de Intervenção

Acabou! Feneceu! Faleceu!
A net ficou mais pobre e o Azurara está triste.
Senhor Presidente, que tal um dia de luto nacional? A Sulista fez mais por este país que "uns e outros" o tiveram.
Volta quando quiseres.

9 de julho de 2005

Record

A inocente pergunta que fiz neste post gerou uma situação inédita nestas “Terras de Azurara”: 34 comentários!
De todos estes, apenas 1 (um) se centrou na substância – o da Mitó, quando indicou 22€ por metro quadrado.
Os outros vieram falar de jogos de futebol, de capelas, de carros, de pessoal, de viagens…
Triste país este onde se trocam "alhos por bugalhos".
Foi record, sim, mas penoso!

8 de julho de 2005

Aviões

Toda a gente sabe que o Azurara tem uma paixão indisfarçável por "aviões", com destaque para os modelos mais recentes, verdadeiros expoentes da ponta da tecnologia, sem, todavia, enjeitar um belo "clássico".
Relativamente ao modelo abaixo apresentado, não vou dizer nem o comprimento, nem a envergadura de asas, nem sequer a designação. Nada disso. Fica a cargo dos meus amigos e leitores.
Os cinco primeiros "clientes" que acertarem, ganham um prémio-surpresa. E esta, hem?

EDITAL

O Azurara torna público e faz saber, por este meio único e irrepetível, que neste blog:
  1. São desejadas participações pautadas pela crítica mordaz, pelo discurso inflamado, pela defesa da alternativa, e pelo contraditório.
  2. Não são bem vindas contribuições eivadas de ódio, atoardas, insinuações, insultos e, de um modo geral, todas as que não respeitem as convenções "tradicionais" da "boa educação".
Esta deliberação foi aprovada por unanimidade e entra imediatamente em vigor.
Mangualde, 8 de Julho de 2005, pelas 19H47.

Última hora


Está explicado o silêncio da D. Drago quanto à "acção heroica" dos combatentes da liberdade em Londres. A senhora estava exactamente em Londres (*). Mas não morreu nem ficou estropiada.
Vi-a na TV, sorridente e com aquele seu belo dentinho maroto, e não pude deixar de pensar que anda a cuidar da higiene oral.

* Mocho, achas que terá ido a expensas do erário público?

London 7/07 (actualização)

Afinal já encontrei um destes. É a D. Gomes, que diz:
Responsabilizei e responsabilizo a Administração Bush, mas também Blair, Aznar, Berlusconi , Barroso, Balkenende e todos os aqueles que arrastaram ou deixaram arrastar o mundo para a aventura do Iraque e desviaram o foco do Afeganistão.

Ela, agora, até é vidente.
Espere pela "bomba suja" que, mais dia menos dia, algum grupelho afiliado à Al Qaeda deflagrará algures nesse mundo! Espere pelo próximo ataque bombista contra os EUA ou qualquer alvo europeu!...
Tragicamente, nem 24 horas passadas, o meu presságio confirmava-se: as ruas de Londres onde eu ainda há dias passeava à chuva, tornavam-se cenário de mais uma bárbara retaliação terrorista.

Repararam no termo "retaliação". Foi uma retaliação por não seguirmos os ditâmes do Islão, não é assim?

Ora porra! Saia um pano encharcado para a mesa 3...

Lei da Nacionalidade

A Plataforma das Organizações de Imigrantes criticou a proposta de alteração à lei da nacionalidade anunciada pelo primeiro-ministro.
O Azurara também critica, mas fá-lo pelas razões opostas.
A tal Plataforma queria que qualquer nascido em Portugal, fosse qual fosse a situação dos pais, obtivesse, automaticamente, a cidadania portuguesa. Eu acho que não. Um casal, por exemplo, de Búlgaros (falo de eslavos para não falar de negros e ser logo rotulado de racista - que não sou) não deve poder vir para aqui, ilegalmente, e "legalizar-se" porque lhes nasceu cá um filho. Valha-de Deus! Até o Deco teve de cá estar uns anos e, mais importante, teve de demonstrar que sabia fazer alguma coisa de útil.
Mas tem mais:

Segundo Mamadou Ba, esta proposta «não contempla a maior parte das segundas gerações», uma vez que os seus pais estão ilegais em Portugal. «Apesar de terem nascido no país, muitos dos jovens, que têm entre 20 e 30 anos, não vão poder adquirir a nacionalidade porque os seus pais estão ilegais»

Isto deixou-me perplexo!
Que raio de país é este onde há pessoas que residem ilegalmente há 20 ou 30 anos?
Não trabalham? Trabalham e não lhes pagam? Pagam-lhes "por fora"?
Eu compreendo que uma situação destas possa acontecer durante um curto período de tempo na vida de um imigrante. Mas durante 20 ou 30 anos? Isto é verdade? E ninguém é responsabilizado?
Os tipos que os empregam, como arranjam dinheiro para lhes pagar? Evasão fiscal, não é assim?
E ninguém faz nada? Será assim tão difícil? Eu acho simples:
Onde é que o senhor trabalha? Se não disser, é porque não tem trabalho e terá de ser expatriado, compreende?

Já agora, esta minha posição é considerada racista?

Terrorismo

Dizer que há terrorismo porque há pobreza no mundo, é, antes de mais, uma enorme ofensa aos pobres.

7 de julho de 2005

London 7/07

Ainda não apareceu por aqui nenhum filho da puta tipo a dizer que o Islão é a religião da paz e do amor e que os culpados de tudo são os americanos...

ATTACKS KILL 45 (and counting)

D. Ana Gomes ... Sr. Francisco ... D. Drago ... Sr. Jerónimo ... Sr. Bernardino ... Alôooo!
Estamos à espera da justificação do injustificável. Então?